Luxação do ombro

O que é?
É a separação de dois ossos que costumam estar em contato por meio de uma cartilagem.

Causas
A luxação do ombro ocorre quando uma força extrema supera os mecanismos estabilizadores (lábio, cápsula e manguito) e desloca a cabeça do úmero para fora da glenóide.

Sintomas
Dor intensa no ombro, podendo irradiar para o braço e afetar o pescoço, o ombro pode permanecer mais alto ou mais baixo do que o outro e incapacidade de realizar movimentos com o braço afetado.

Diagnóstico
O diagnóstico pode ser feito por um ortopedista, dependendo do caso pode ser feito o exame de raio X para avaliar a lesão.

Tratamento
Ocorrido o deslocamento, o objetivo inicial é a redução do ombro – colocar o ombro no lugar. Isso deve ser feito por um médico. Analgésicos, infiltrações ou mesmo anestesia podem ser realizadas para diminuir a dor durante o procedimento. Após a redução, uma nova radiografia deve ser realizada para se certificar de que o procedimento foi realizado de maneira correta. O paciente deve utilizar tipóia. O período de tempo e o tipo de tipóia recomendados a ele serão determinados pelo médico, de acordo com a gravidade da luxação, a idade do paciente e sua assiduidade na prática de atividade física. Exames subsidiários, como a ressonância nuclear magnética (RNM) podem ser necessários para avaliar lesões associadas.